sexta-feira, 28 de setembro de 2012

O Twitter mudou. Faz diferença para as marcas?

                        
Será que todas as redes sociais estão, de certa maneira, convergindo para uma aparência e utilização muito parecidas? A repaginada que o Twitter anunciou nos últimos dias levou muita gente a pensar o quanto ele está parecido com o Facebook.

As mudanças – mais visuais do que de funcionalidades — não vão afetar significativamente a maneira como as empresas e as pessoas utilizam o Twitter. No fundo, o que continua valendo nessa rede, mais do que em qualquer outra, é o conteúdo que se compartilha. A força dos 140 caracteres ainda pesa mais do que tudo.

quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Redes Sociais: Qual é a sua crise?

                            
Mais cedo ou mais tarde ela chega. Por mais que se tenha cuidado, a crise é um risco ao qual toda marca esta exposta. As redes sociais ajudam a espalhar boatos, rumores e sem o gerenciamento correto, ela pode tomar proporções enormes. Porém, quando falamos em “crise” e “rede social” existem duas categorias que costumam ser confundidas e até mesmo colocadas no mesmo nível.

Estamos falando de algo que tem a preposição como armadilha: crise de redes sociais e crise em redes sociais. As duas parecem ser a mesma coisa, mas não são.

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Brasil avança enquanto outros países recuam na liberdade online


A liberdade na internet sofreu retrocessos em muitos países, com destaque para Irã, Cuba e China, mas também fez alguns avanços no Brasil, em nações sacudidas pelas revoltas da Primavera Árabe e em meio à instabilidade política, revelou um estudo publicado nos Estados Unidos.

O Brasil aparece com o status de país “livre” no uso da web na pesquisa do grupo Freedom House, com destaque para “ganhos significativos na expansão do acesso à internet e do uso de telefones celulares nos últimos anos” e para um aumento notável de “atividade social e participação cívica na internet”.

terça-feira, 25 de setembro de 2012

Google+ reúne 400 milhões de usuários e incorpora cópia do Instagram



O Google revelou duas informações estratégicas para sua rede social, o Google+. A primeira é que o site alcançou a marca de 400 milhões de usuários. A segunda é a compra da Nik Software, empresa especializada em imagens. As duas informações sugerem que o Google+ se fortalece para trilhar um caminho inevitável: a batalha com seu maior rival, o Facebook.

O alcance da marca de 400 milhões de usuários foi celebrado por Vic Gundotra, vice-presidente de engenharia da empresa e responsável pelo produto. “Faz apenas um ano que abrimos o serviço para a inscrição pública. Não poderíamos imaginar que tanta gente iria se inscrever nesses 12 meses”, declarou Gundotra. De fato, é um feito quando, se compara o resultado com o de outros atores do segmento.

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Mark Zuckerberg: negócio do Facebook é a mobilidade

O CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, durante a conferência TechCrunch Disrupt em São Francisco, Califórnia


Quatro meses após conduzir a maior abertura de capital de uma empresa de tecnologia, Mark Zuckerberg, criador e CEO do Facebook, enfim falou. Em entrevista realizada no TechCrunch Disrupt, em São Francisco, na Califórnia, ele admitiu decepção com a queda do valor das ações da companhia na bolsa de valores e, tentando convencer o mercado, disse que o negócio da companhia é a mobilidade. A apariação de Zuckerberg parece ter agradado o mercado. Durante a entrevista, que durou 25 minutos, as ações da empresa na bolsa de valores subiram 4,6%, sendo cotadas a 20,32 dólares.

"O desempenho de nossas ações tem sido obviamente decepcionante", afirmou Zuckerberg – desde o lançamento, os papéis da companhia perderam mais da metade do valor. Mas o CEO foi rápido ao tentar mostrar o caminho para superar a situação: os dispositivos móveis. "Decepcionamos na Nasdaq, mas vamos fazer mais dinheiro a partir de acessos via celular, em comparação com o uso da rede em desktops", afirmou.

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Brasileiros estão cada vez mais conectados, revela IBGE




Microcomputadores com acesso à internet são os bens duráveis que mais cresceram, em termos de presença, nos domicílios brasileiros entre 2009 e 2011, registrando presença em quase 40% deles. De acordo com os números revelados pela edição 2011 da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD), conduzida pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), os brasileiros estão cada vez mais conectados à internet.

Além dos microcomputadores comprados com o objetivo de serem usados para navegar na web, cresceu também a presença de microcomputadores que, por algum motivo, não têm conexão com a internet, estas máquinas estão em 30% dos domicílios entrevistados. O terceiro lugar ficou com os aparelhos celulares, com 26,7%.

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Mídias sociais estão revolucionando negócios

 


As redes sociais estão causando uma verdadeira revolução no mundo e abrem a porta do futuro para as companhias que enxergarem os benefícios desse movimento para os negócios. O recado foi dado pelo presidente de CEO da Salesforce, Marc Benioff, durante a abertura da conferência Dreamforce 2012, na manhã desta quarta-feira, (19/09), em San Francisco (EUA).

Com tênis colorido e terno, Benioff foi keynote de abertura do evento, que reúne 90 mil pessoas, entre clientes, parceiros, analistas de mercado e usuários das tecnologias de cloud computing da Salesforce.

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Saiba usar a comunicação para fidelizar seus clientes

Em qual segmento atuar? Oferecer produtos ou serviços? Qual o melhor ponto comercial? Em quanto tempo começarei a ter lucro? Como contratar e treinar a equipe? Essas dúvidas estão sempre presentes na vida de um empreendedor, principalmente os de primeira viagem. Mas um item que também deveria ser colocado nessa lista, e que muitas vezes é lembrado apenas quando o negócio não demonstra o desempenho esperado, é a fidelização do cliente.

Fidelizar o cliente é um trabalho diário, pois graças a essa manutenção constante a marca consegue cada vez mais estar presente na vida de quem realmente importa para sua permanência no mercado.

terça-feira, 18 de setembro de 2012

Google+ supera Facebook em pesquisa de satisfação de usuários

          


O Facebook pode até ser a maior rede social do mundo, mas seu rival Google+ ganha quando o assunto é satisfação de usuários.

Os usuários do Facebook tem estão cada vez mais insatisfeitos, de acordo com um relatório da American Customer Satisfaction Index (ACSI), baseado em uma pesquisa realizada em conjunto com a ForeSee - empresa de análise de experiência do cliente. De fato, a satisfação dos usuários do Facebook caiu em 8% com relação ao ano passado, alcançando um recorde de 61 pontos em uma escala de 100.

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Brasileiros passam muito tempo no Facebook

            Logo do Facebook distorcido



Usuários brasileiros estão entre os que mais passam tempo no Facebook, chegando a gastar mais de oito horas conectados em um mês, de acordo com a pesquisa feita pela própria empresa, com os dados da consultoria comScore.

Segundo o estudo realizado, os brasileiros ficam conectados, em média, oito horas por mês, superando a média mundial de 6,3 horas mensais. Essa média, inclusive, cresceu 33% em relação ao ano passado, e já é superior ao período médio dos norte-americanos.

sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Em fase de migração

 


O Twitter anda em baixa no Brasil. A rede social estagnou e perdeu audiência no País exatamente no momento em que ele fortalece sua expansão internacional com planos, inclusive, de abrir um escritório em São Paulo.

Dados divulgados pela consultoria ComScore na semana passada mostram que o Twitter perdeu 24% da audiência no Brasil em 12 meses. Isto significa que a rede – que foi sucesso no Brasil antes do Facebook se popularizar – hoje tem 3,7 milhões de acessos a menos. Em julho de 2011, a audiência total do site foi de 12,9 milhões de acessos únicos. Um ano depois, o número ficou em 9,7 milhões.

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Comentários em fotos do Facebook afetam amizades e até emprego


                     Segundo pesquisadores, imagem de perfil deve estar relacionada às atividades mais presentes na vida do usuário. Foto: Dave Delaney/Flickr.com/Divulgação


Ficar bem na foto do perfil do Facebook e conseguir comentários positivos sobre a imagem pode ajudar na hora de conseguir novos amigos, e até um emprego, concluíram pesquisadores da Universidade do Missouri, nos Estados Unidos. Rede social com quase 1 bilhão de usuários, o site de relacionamentos é frequentemente utilizado por empresas para avaliar candidatos.

Segundo os pesquisadores Seoyeon Hong e Kevin Wise, usuários do Facebook que têm fotos que exprimem melhor o seu perfil social acabam obtendo mais comentários positivos. Como consequência, são vistos como mais atraentes física e socialmente do que aqueles que exibem críticas.

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

85% dos usuários vêem redes sociais como meio de discussão política


                    Eleitores acompanharão políticos pela internet


A eCRM123, especializada em CRM Social (o gerenciamento das relações entre marcas, produtos e consumidores nas redes sociais) acaba de divulgar os resultados da pesquisa “Rede social é lugar para política?”. Dos participantes, 85% acreditam que as redes sociais são meios de comunicação adequados para a discussão política, com destaque para o Facebook, apontado por 40% dos participantes. Outros 37% acreditam que todas as redes são eficientes, enquanto 11% preferem o Twitter. Os blogs têm 8% da preferência dos pesquisados e somente 2% apontaram o Google+, à frente apenas do Youtube e do LikedIN, com 1% cada.

Questionados sobre os assuntos que os internautas brasileiros gostariam de discutir nas redes sociais, 49% optaram pelo plano de mandato, 26% por temas relacionados à corrupção, 14% se interessam por esclarecimentos de boatos, 7% preferem discutir sobre outros assuntos e apenas 4% se interessam em falar sobre CPI.

terça-feira, 11 de setembro de 2012

Aplicativo de empregos faz Facebook parecer o LinkedIn


 O BranchOut, aplicativo que começa a conquistar usuários brasileiros, implementa uma espécie de sub-rede dentro do Facebook para relacionamentos profissionais, no estilo do LinkedIn. O serviço existe deste o ano passado, mas vem crescendo de forma mais acentuada nos últimos meses.

Como acontece com outros aplicativos do Facebook, o usuário precisa apenas autorizar o acesso a seus dados na rede social para começar a usar o BranchOut,. Astutamente, o site inclui uma ferramenta que permite, à pessoa, importar seu perfil do LinkedIn, o que facilita as adesões. Instalado o aplicativo, é possível conectar-se a outros contatos do Facebook para fins de relacionamento profissional, além de pesquisar numa base de anúncios de empregos.

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Como resolver problemas do seu negócio nas redes sociais



Nem grandes nem pequenas empresas estão a salvo das críticas nas redes sociais. Nesta semana, a marca de preservativos Prudence retirou de sua página no Facebook uma peça publicitária que causou repúdio nos internautas que consideraram o conteúdo como um incentivo ao abuso sexual.
 
Para evitar problemas deste tipo, os empreendedores devem estar atentos ao que acontece nas redes. Apesar do crescimento deste canal, uma pesquisa feita pela consultoria Maksen mostrou que quatro em cada dez empresários acreditam que as redes sociais não agregam valor ao seu negócio.

quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Twitter fatura mais com publicidade móvel do que o Facebook

Facebook vs. Twitter
 
Uma estimativa da consultoria eMarketer afirma que o Twitter faturará US$ 129,7 milhões com publicidade móvel em 2012 e terá um lucro maior que o do Facebook, que deve ganhar cerca de US$ 72 milhões com publicidade e outros produtos desenvolvidos para celulares e tablets.

Porém, de acordo com o mesmo estudo, a vantagem do Twitter não deve durar muito tempo, já que se espera que o lucro do Facebook na área móvel cresça para até US$387 milhões em 2013, com o Twitter voltando aos US$ 100 milhões.

quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Twitter defende a liberdade de expressão pensando no faturamento

                         Reunião do Twitter em San Francisco; Macgillivray é o terceiro da esquerda para a direita



Alexander Macgillivray, diretor jurídico do Twitter, diz que lutar pela liberdade de expressão é mais que uma boa ideia. Acredita que seja uma vantagem competitiva para sua empresa.

A convicção explica por que ele dedica tanto tempo e dinheiro do Twitter a contestar decisões de autoridades, nos Estados Unidos e no exterior. Na semana passada, sua equipe jurídica estava contestando uma liminar que determinava que os posts de um membro do movimento Occupy Wall Street fossem retirados do Twitter.

terça-feira, 4 de setembro de 2012

Redes sociais podem ser ameaça a crianças adotadas

      Mulher olhando no Facebook


Londres - Jovens britânicos adotados depois de terem sofrido abuso na infância correm o risco de terem novos problemas emocionais, já que alguns pais biológicos recorrem ao Facebook e outras redes sociais para encontrá-los, disseram agências de adoção.

A facilidade com que alguns pais biológicos podem usar a tecnologia para entrar em contato com as crianças sem avisar e sem seguir práticas de segurança estabelecidas alarmou as agências de adoção.

As famílias que foram contatadas descreveram a experiência como sendo uma "batida de carro em câmera lenta", deixando-os "golpeados e feridos".

"As redes sociais estão abrindo feridas --você não consegue manter segredos", disse Julia Feast, consultora na Associação Inglesa para Adoção e Amparo (BAAF, na sigla em inglês).

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Wolfram Alpha cria ferramenta que analisa perfis do Facebook


wolfram

O sistema de busca semântica Wolfram Alpha lançou uma ferramenta que permite a análise detalhada de informações disponibilizadas no seu perfil do Facebook.

Chamado Personal Analytics for Facebook, o serviço cria um relatório com dados como a porcentagem dos seus amigos que estão namorando, qual o nome mais comum entre os seus contatos, quem mais comenta nos seus posts e muito mais.